Hoje iniciamos uma nova série no site da Orla Rio: Do Leme ao Pontal. Semanalmente traremos informações sobre as principais praias da orla carioca. O objetivo é contar a história, curiosidades e dar dicas, além de ajudar na escolha da praia que mais tenha identificação para se divertir, relaxar e aproveitar a vida. Começaremos com a Praia do Leme.

O nome da Praia do Leme, assim como o nome do bairro, tem origem na Pedra do Leme, que quando vista de cima tem um formato bastante semelhante ao do leme de um navio. Frequentada principalmente pelos moradores do bairro, a Praia do Leme reflete toda a tranquilidade da região, que tem que população estimada de 15 mil habitantes, em sua maioria de classe média-alta.

A Praia do Leme fica localizada à esquerda da praia de Copacabana, na Zona Sul do Rio de Janeiro, fazendo fronteira também com Botafogo e Urca. Cheia de personalidade, ela é o “ponto de partida da orla”, imortalizada na música de Tim Maia, mas muitas vezes passa despercebida, fazendo com que seja vista erroneamente apenas como uma extensão da Praia de Copacabana.

É nesse bairro que estava localizado o famoso Hotel Meridien, mundialmente conhecido pelo espetáculo com cascata de fogos de artifício durante a virada do ano, até o começo dos anos 2000. Hoje a festa de Réveillon é feita em Copacabana e os fogos são lançados de balsas no mar. O local também costuma ser palco de campeonatos internacionais de futebol de areia e de vôlei de praia, além da Travessia dos Fortes de natação.

Seu mar esverdeado, translúcido e calmo é perfeito para os pescadores que aproveitam a localização junto ao morro do Leme, no final da praia. Lá foi construído o Caminho dos Pescadores, um local propício para a atividade pesqueira, também conhecido como Mirante do Leme por causa da sua vista extraordinária.

Outro destaque desta praia é o Forte do Leme, onde há um sítio histórico em memória a Duque de Caxias com exposições e vídeos sobre o Forte, ecologia e o meio ambiente. De lá é possível ver a Praia de Copacabana, o Morro Dois Irmãos, a Pedra da Gávea, a encosta do Pão de Açúcar e o Cristo Redentor.

Deu vontade de conhecer, não é? Então não se esqueça de passar em um dos nossos quiosques. São diversas opções que vão agradar todos os públicos e paladares.

Deixe um comentário

AIzaSyA5tPbYDErzSozNDJ4r7vcHSXTfKEz1oWc