O delivery de refeições é uma das modalidades de consumo que mais atraem o cliente brasileiro e carioca. A possibilidade de ter o seu prato favorito em casa, sem enfrentar trânsito, filas e com todo conforto são, sem dúvida, um diferencial. O isolamento social, causado pelo novo coronavírus, impulsionou, ainda mais, o número de estabelecimentos que atuam com entrega.

Nesse momento, o delivery tem sido uma fonte importante de receita para a sobrevivência de muitos negócios, sendo também a opção menos arriscada em comparação a uma ida ao supermercado, pois o cliente evita contato com outros consumidores. Porém, se adequar a essa realidade demanda bastante atenção, agilidade e cuidado redobrado com a higienização e a segurança dos alimentos, preparo das refeições e orientação para os entregadores.

A Orla Rio possui diversos quiosques que oferecem serviço de entrega ao cliente, uma forma prática e fácil de levar todo o sabor da praia a qualquer lugar. Porém, a concessionária tem a preocupação constante de que todos os estabelecimentos por ela administrados cumpram rigorosamente todos os protocolos de higiene e segurança de alimentos estabelecidos pela Anvisa.

Esses protocolos são os mesmos aplicados à modalidade take away ou comida para levar como: higienização de superfícies, alimentos e de mãos. Também são verificados pela empresa, periodicamente, os itens obrigatórios como álcool em gel 70%, sabão líquido, papel toalha e lixeira com acionamento por pedal.

Entretanto, diferentemente do take away, o delivery conta com um novo elemento na cadeia: o entregador. Esse importante agente também precisa reforçar os cuidados com a higiene, visando se proteger e a todos com o qual tem contato. São necessários cuidados para evitar que o próprio entregador se torne um vetor do vírus (de cliente para cliente) ou se contamine.

Por isso, o cliente, ao escolher a comida, deve priorizar o pagamento online do pedido, a fim de evitar contato com as maquininhas e cartão no momento da entrega. Se for utilizar maquininha, deve optar pela função de aproximação do cartão. É fundamental evitar utilizar dinheiro em espécie. No caso de alguns aplicativos de delivery, uma das iniciativas é a chamada “entrega sem contato”, em que entregadores e clientes combinam pelo chat qual é a melhor forma de entrega do alimento.

A lavagem ou higienização das mãos com álcool 70% deve ser feita antes e depois da entrega do pedido, tanto por parte do entregador quanto pelo cliente. Outra sugestão é deixar um recado na porta da sua casa pedindo ao entregador que toque a campainha e se afaste. Isso permite que você pegue sua comida com segurança, sem contato.

Após, as embalagens devem ser corretamente descartadas pelo consumidor. Ainda que não haja evidências que a Covid-19 possa infectar as pessoas por meio da alimentação, todos os cuidados são totalmente válidos e devem ser reforçados.

E aí, que tal pedir o delivery de um dos quiosques da Orla Rio hoje? Ah, e caso goste do atendimento, não esqueça da gorjeta do seu amigo entregador 😉

Abaixo, separamos algumas opções para todos os gostos. E lembre-se: se puder, fique em casa!

Peça os petiscos do Joilton na segurança da sua casa!
Um passeio pelas ruas de Copacabana no delivery do Santa Clara
Empanadas com sabor de praia na sua casa
Vai um Smash Burguer do Seu Vidal na Praia aí?

Deixe um comentário

AIzaSyA5tPbYDErzSozNDJ4r7vcHSXTfKEz1oWc