O governo de Aruba reabriu oficialmente as suas fronteiras para viajantes internacionais na última quinta-feira, dia 1. Para um retorno seguro das atividades turísticas na ilha, foram implementados procedimentos avançados de saúde para reduzir o risco de Covid-19. As autoridades apresentaram um programa com critérios rigorosos para a certificação sanitária, obrigatória para todas as empresas da indústria turística, entre os quais estão distanciamento social, instruções de higiene e saneamento para colaboradores e o uso obrigatório de equipamentos de proteção. 

Com a reabertura, viajantes de todo o Caribe (com exceção da República Dominicana e Haiti), Europa e Canadá poderão visitar a ilha caribenha. Para turistas de países mais afetados como Estados Unidos e Brasil, ainda há restrições que podem ser flexibilizadas a partir do dia 10 de julho.

Para oferecer um ambiente seguro para moradores e turistas, algumas regiões serão monitoradas para evitar aglomerações. O distanciamento social deve ser mantido mesmo nas ilhas, que podem ter fiscalização dos órgãos responsáveis. Para entrar no país, os visitantes deverão seguir um novo procedimento de embarque e desembarque. Além do distanciamento social, Aruba está limitando a capacidade em alguns dos destinos mais populares para diminuir o fluxo de visitantes nos horários de pico.

Deixe um comentário

AIzaSyA5tPbYDErzSozNDJ4r7vcHSXTfKEz1oWc