Muitas vezes, ao ouvirmos a previsão do tempo, nos deparamos com termos e expressões como radiação ultravioleta, chuvas isoladas e umidade relativa do ar. Os dois primeiros já foram desvendados por aqui, então, para completar a “trilogia meteorológica” vamos falar tudo sobre a umidade relativa do ar.

A umidade relativa do ar é a relação entre a quantidade de água existente no ar e a quantidade máxima que poderia haver na mesma temperatura. Ela é um dos indicadores mais usados na meteorologia para se fazer previsões.

Essa umidade presente no ar é decorrente de uma das fases do ciclo hidrológico, o processo de evaporação da água. O vapor de água sobe para a atmosfera e se acumula em forma de nuvens, mas uma parte passa a compor o ar que circula na atmosfera.

Quando a umidade do ar está muito baixa, ou mesmo, muito alta pode haver problemas, principalmente respiratórios. Com a umidade muito baixa (menos que 30%), as alergias, sinusites, asmas e outras doenças tendem a se agravar. Já, quando a umidade relativa do ar é muito alta, podem surgir fungos, mofos, bolores e ácaros.

O curioso é que mesmo quando a temperatura está baixa (aproximadamente 24º), se a umidade relativa do ar for muito alta, você sente calor do mesmo jeito, porque o suor evapora de sua pele com mais dificuldade, o que faz com que a sensação térmica seja mais alta. 

Da mesma forma, se estiver muito quente e a umidade relativa do ar muito baixa, você conseguirá suportar até 37º sem passar mal porque seu suor irá evaporar mais rápido, resfriando, assim, o seu corpo.

Percentuais da umidade relativa do ar:
Abaixo de 12%
– estado de emergência;
Entre 12% e 20% – estado de alerta;
Entre 21% e 30% – estado de atenção;
Entre 31% e 40% – estado de observação;
60% – nível recomendado pela OMS

Leia também:
Saiba como as tartarugas conseguem voltar para a praia em que nasceram
Você sabe o que é, e como se forma a ressaca?
Saiba como a Lua e o Sol influenciam as marés
Você sabe como se forma um Tsunami?
Você sabe o que são chuvas isoladas?
Você sabe o que é um ciclone?
Você sabe o porquê das nuvens de chuva serem negras?
Você sabe com surge o arco-íris?
Por que ouvimos o barulho do mar nas conchas?
Você sabe como se forma a areia da praia?
Você sabe o que é radiação ultravioleta?

Deixe um comentário

AIzaSyA5tPbYDErzSozNDJ4r7vcHSXTfKEz1oWc