Segunda-feira é o dia universal de começar a dieta e, coincidência ou não, neste dia 31 de agosto é celebrado o Dia do Nutricionista. A data é a mesma em que foi criada a Associação Brasileira de Nutricionistas em 1949, que atualmente é a Associação Brasileira de Nutrição. O nutricionista atua, principalmente, na educação alimentar e na relação das pessoas com a comida. A data simboliza a importância da orientação profissional para combater exageros e cuidar preventivamente da saúde através da alimentação diária. 

Normalmente as pessoas associam nutrição à necessidade de emagrecer e, consequentemente, a dietas mirabolantes, proibição de alimentos e restrição. Entretanto, esse é um dos mitos que os nutricionistas buscam quebrar, mostrando que a importância de ter uma relação saudável com os alimentos vai além das questões estéticas, sendo fundamental para qualidade de vida. 

Vale ressaltar que cada profissional da área atua de formas diferentes e de acordo com os objetivos e necessidades específicas de cada paciente. Por isso, antes de fazer qualquer mudança na alimentação é recomendável procurar um nutricionista.

Com o apoio da nutricionista Laura Fernandes, separamos algumas dicas de ouro para não deixar a saúde de lado, mesmo na praia, e dar uma mãozinha aos praianos que já estão buscando uma alimentação mais equilibrada

Se hidrate! 

A água é fundamental para o bom funcionamento do organismo. Nos dias mais quentes, as pessoas perdem muito líquido e beber água regularmente evita que haja desidratação. Além disso, a hidratação contínua do corpo ajuda a limpar o organismo e promove a sensação de bem-estar. Aposte nas águas saborizadas com limão e hortelã por exemplo, chás gelados e água de coco também são um ótima opção de bebidas para manter o corpo hidratado. 

Abuse das frutas 

Frutas e sucos de frutas naturais são muito bem vindos, pois concentram diversas vitaminas e minerais que ajudam a regular nosso organismo. As frutas de cor alaranjada e amarelada são ricos em betacaroteno (substância que protege o corpo por ser um poderoso antioxidante e ajuda na formação de melanina promovendo aquele bronzeado bonito e uniforme). Além disso, esses alimentos também contribuem para uma maior proteção aos raios solares nocivos à pele. O açaí também pode ser um ótimo aliado, pois além de delicioso é um ótimo antioxidante natural.

Evite alimentos industrializados

É importante tomar cuidado com industrializados como salgadinhos, bolos, doces e snacks. Com uma concentração alta de sódio, corante, gordura, açúcar e conservantes, eles são pobres em nutrientes. A ingestão destes alimentos alinhadas ao calor pode causar má digestão e até intoxicação alimentar, dependendo do caso. Sempre que possível, opte por alimentos frescos, coma comida de verdade.

Dê uma chance aos sanduíches

Os sanduíches são uma opção prática e saudável e  podem ser ótimos aliados da alimentação na praia. Com ingredientes como queijo, carne, frango desfiado, vegetais e pão, eles reúnem uma quantidade equilibrada de minerais, proteínas, vitaminas e carboidratos. Se o pão for integral fica ainda melhor! 

Seja criterioso ao escolher onde comer

Seja qual for o alimento escolhido, é extremamente importante ter atenção ao local onde vai comer. Não é recomendável consumir alimentos armazenados em isopor ou expostos ao sol sem proteção, além disso, deve-se observar as condições de higiene e a forma de conservação sempre que for comprar algum quitute. 

Os quiosques são opções mais seguras já que o cliente consegue ver os alimentos que estão sendo preparados e há uma estrutura de conservação dos produtos. Do Leme ao Pontal, são centenas de opções incluindo aqueles totalmente focados em comida natural como exemplo o Olivia & Cia, na Barra, Soga Beach, em São Conrado, Deck 09 e Força & Saúde, em Copacabana.

Deixe um comentário

AIzaSyA5tPbYDErzSozNDJ4r7vcHSXTfKEz1oWc