Na expectativa da chegada da alta temporada, a pergunta que não quer calar é: será que vai dar sol? Depois de uma temporada em 2020 com chuvas acima do normal, a previsão é que o verão carioca 2021 tenha mais o jeitinho que consagrou o Rio de Janeiro, temperaturas altas, sol e pancadas de chuva dentro da média.

O fenômeno La Niña vai influenciar no clima durante toda a estação. As previsões mais recentes dos principais institutos internacionais de monitoramento do clima global apontam que o fenômeno vai perder força em março, mas só irá se neutralizar entre abril e maio.

De acordo com o Climatempo, em janeiro, todo estado do Rio de Janeiro terá pancadas de chuva regulares. O total de chuva acumulada no mês deve ficar próximo da média climatológica na maioria das áreas do estado, incluindo a cidade do Rio. O mês terá dias de sol forte e temperaturas elevadas, mas sem grandes extremos.

Em fevereiro a previsão é de um mês mais instável, com maior volume de chuva e bastante nebulosidade. Pelos cálculos do Instituto Nacional de Meteorologia, a média de chuva para fevereiro na Região dos Lagos, no litoral Norte, em todo o Norte e Noroeste Fluminense varia de 125 a 150 mm. Na região Serrana e no Grande Rio, a média de chuva fica entre 150 e 175 mm. Já no médio Paraíba e no litoral Sul Fluminense, a média de chuva para fevereiro é mais alta, variando de 200 a 250 mm.

E para março, a expectativa é que o clima fique mais seco, com dias quentes e pouca chuva. Pelos cálculos do Instituto Nacional de Meteorologia, as “águas de março” terão média abaixo do normal, com volume variando entre 150mm e 200mm.  

Deixe um comentário

AIzaSyA5tPbYDErzSozNDJ4r7vcHSXTfKEz1oWc