Hoje vamos dar algumas dicas para você não se tornar um carioca desatento e que não cumpre os protocolos de saúde e segurança, o famoso Zé Furada. Então vamos relembrar algumas formas de como não ser um péssimo exemplo e agir com cautela diante do momento delicado que estamos vivendo.

Pra não ser um Zé Furada é importante que você nunca fique sem máscara em lugares públicos, principalmente se houver no mesmo ambiente pessoas estranhas. Se for praticar exercícios na orla, evite permanecer parado ou no balcão dos quiosques. Lembrando que não está permitido colocar mesas e nem circular dentro dos quiosques, então a melhor maneira de ajudar aquele quiosqueiro amigão é respeitando as regras, né? O atendimento é exclusivamente para take away, ou seja, peça o seu produto e leva para consumir em casa.  

Não esqueça de higienizar as mãos periodicamente com álcool 70 ou bastante água e sabão. Além disso, evitar tocar nos olhos, nariz e boca é primordial.

Mostre para os outros que não seguir os procedimentos e protocolos de segurança é a maior furada!

Cuidar de si também é cuidar do próximo. Proteja-se!

Fique de olho

O banho de mar e a permanência na areia estão proibidos de acordo com o decreto nº48.664 do dia 22 de março, sujeito à multa em caso de descumprimento. Em relação às atividades esportivas, estão liberados apenas esportes individuais, mediante ao cumprimento das regras de ouro. 

Ainda estamos vivendo um momento delicado com a pandemia, por isso, é importante seguir as determinações e ter consciência. Então, mantenha o distanciamento, lembre-se de fazer a higienização correta das mãos e evite aglomerações!

Deixe um comentário

AIzaSyA5tPbYDErzSozNDJ4r7vcHSXTfKEz1oWc