Nesta sexta-feira, dia 2 de junho, é comemorado o Dia Nacional do Bombeiro, corporação militar de Defesa Civil responsável por prestar assistência à população de diversas maneiras. A data marca também os 165 anos do Corpo de Bombeiros do Estado do Rio.

No imaginário das pessoas, os bombeiros são normalmente associados a grandes incêndios, mas a verdade é que a função deles vai muito além disso. Eles prestam socorro à animais em perigo e ajudam pessoas em situações de risco, como tentativa de suicídio, afogamentos, desaparecimentos e traumas provocados por acidentes. 

Os bombeiros também costumam desenvolver projetos de incentivo social e educativos para gerar impacto positivo e melhorar a qualidade de vida da comunidade. Por isso, a data é uma homenagem a todos os heróis de vermelho que arriscam as suas vidas protegendo as de outras pessoas.

Os primeiros registros do Corpo de Bombeiro no Brasil surgiram em 1856, quando o imperador D. Pedro II assinou um decreto para tentar diminuir os incêndios, e criou o Corpo Provisório de Bombeiros da Corte, no Rio de Janeiro. Antes do Decreto, as emergências eram avisadas com o badalar dos sinos das igrejas e tiros de canhão. Ao ouvir o sinal, homens, mulheres e crianças formavam uma fila no poço mais próximo e passavam baldes cheios de água, de mão em mão, até chegarem ao local do incêndio. O trabalho era realizado com auxílio de bombas, escadas manuais e mangueiras.

Hoje, 165 anos depois, com planejamento e treinamento constantes, a corporação atua na prevenção de desastres, salvamentos no mar, socorros florestais, resgates a vítimas de acidentes de trânsito e uma série de outras ações para resguardar a vida. 

A Orla Rio parabeniza todos os bombeiros pelo dia de hoje!

Deixe um comentário

AIzaSyA5tPbYDErzSozNDJ4r7vcHSXTfKEz1oWc