Para o Dia dos Pais deste ano, a Orla Rio preparou um presente diferenciado para pai e filho curtirem o dia da melhor forma: com música de qualidade. Imagina pegar uma prainha com seu filho ou ir a um quiosque da orla carioca ao som de diversos estilos musicais? É ou não é o Dia dos Pais ideal? 

Para isso, procuramos quem melhor entende deste assunto para fazer a seleção de músicas da nossa playlist de Dia dos Pais. Jefferson Brasil é o nome dele! Morador do Vidigal, pai, carioca, músico, ator e atleta, ele é a cara do Rio! Quando o assunto é representatividade, Jota entende bem. O artista ficou encarregado de escolher a trilha sonora desta data tão especial. Sobre a seleção, ele disse que escolheu músicas de diferentes estilos, que pudessem tocar de uma forma especial os que estivessem ouvindo. Para o artista, a música tem um papel muito importante: o de transformação. 

Tentei combinar um mix do que eu sou: o hip hop, que amo, com não apenas a questão de eu ser pai, mas do meu pai, do que ele me passou como referência musical. Além disso, levei em conta um pouco da raíz que a gente traz da comunidade, do samba, com artistas que sou fã, como o Michael Jackson, que me inspirou a entrar neste mundo da arte.

Escolhi músicas que escuto quando estou chateado e que, em seguida, me deixam alegre, porque a música tem este poder de renovação. Ela é revolucionária na vida de todos nós. Vejo a música como a arte mais transformadora porque ela te cura e realmente te deixa alegre em um momento que você está para baixo.

Confira a playlist especial Dia dos Pais, da Orla Rio com Jota, no Spotify ou no Deezer: 

Spotify: https://spoti.fi/2VyUjzx 

Deezer: https://bit.ly/3CrwDOH 

Além de músico, Jefferson é pai de duas crianças: Sophia e Dijah Martins. De acordo com ele, a experiência de ser pai foi crescendo ao longo dos anos, junto com as responsabilidades deste papel. O artista contou que, ao exercer esta função tão importante, finalmente compreendeu o que seus pais sempre falavam a ele: “quando você for pai, vai entender”. Para Jota, ser pai é demonstrar todo carinho, amor e afeto.

É preciso saber que eles (os filhos) precisam do seu amor e carinho, de uma conversa com você. Quando eu fazia shows e viagens com o Melanina, era difícil equilibrar tudo, mas graças a Deus sempre tive o apoio e o auxílio da minha família. Por isso digo que a base e a estrutura familiar são muito importantes, a educação familiar é muito importante. Somos uma família muito unida e tento sempre preservar esta união.

Tento compreender ao máximo meus filhos. Apoiar em tudo o que eles querem fazer. Somos capazes de tudo, basta querermos e termos força de vontade para realizar. Tento ser o melhor pai possível para meus filhos, independentemente da situação.

A orla do Rio e os quiosques são uma ótima programação para pai e filho não só curtirem o Dia dos Pais, mas os dias de semana, fins de semana e feriados. Jota, que mora no Vidigal, comentou que a orla do Rio, mais especificamente a praia, é o lugar favorito para um programa de família com os filhos, justamente por ela ter a característica de ser democrática, para todas as classes, e estar na frente de sua casa- a Praia do Vidigal ou a do Leblon. Ele revelou não conhecer muito os quiosques, mas, depois de visitar, no dia desta entrevista, o La Carioca, no Leblon, disse que quer voltar outras vezes com a família e fez um convite para outras famílias visitarem. 

A praia é um lugar que estou sempre frequentando com meus filhos. Um lugar onde você encontra todas as classes, onde todos se misturam e onde todos são iguais. Moramos no Vidigal e temos praias perto de nossa casa. As crianças nasceram e cresceram ali, e não largam mais a praia. Além disso, a Orla Rio está ajudando a gente a conhecer lugares que antes não conhecíamos. Conhecendo este quiosque, vou frequentar mais, comer mais desta comida maravilhosa. São ambientes que podem ser frequentados por todos, de todas as classes. Um bom lugar para compartilhar o momento com a família.

Deixe um comentário

AIzaSyA5tPbYDErzSozNDJ4r7vcHSXTfKEz1oWc