Neste final de semana, as praias do Rio de Janeiro foram infestadas pela proliferação de algas, o que ocasionou manchas esverdeadas e espuma na beira da praia e no mar e a tendência é que dure algumas semanas. Esse fenômeno ocorreu do Arpoador até Ipanema.

De acordo com o Instituto Estadual do Ambiente (Inea), essas algas se proliferam por conta das altas temperaturas marcadas nos últimos dias. E devido a chegada da frente fria a maré e os ventos elas vieram para a beirada da praia. 

Por conta disso, o indicado é não se banhar no mar, apesar das algas não serem uma ameaça, por não serem tóxicas, ainda é preciso estudos de amostras d’água para identificar presença de microrganismos.

Deixe um comentário

AIzaSyA5tPbYDErzSozNDJ4r7vcHSXTfKEz1oWc