Conheça a Década da ONU da Restauração de Ecossistemas

Conheça a Década da ONU da Restauração de Ecossistemas 1

A Década da ONU da Restauração de Ecossistemas é uma iniciativa global liderada pela Organização das Nações Unidas (ONU) que visa a promover e acelerar a restauração de ecossistemas em todo o mundo. Foi lançada em março de 2021 e tem duração de 10 anos, até 2030.

A restauração de ecossistemas envolve a recuperação e revitalização de áreas degradadas, incluindo florestas, terras agrícolas, áreas úmidas, rios e oceanos. Esses ecossistemas desempenham um papel fundamental na manutenção da biodiversidade, na regulação do clima, no fornecimento de água e em muitos outros serviços ecossistêmicos essenciais para o bem-estar humano.

A Década da Restauração de Ecossistemas tem como objetivo principal estimular a ação global para reverter a degradação ambiental e alcançar metas ambiciosas de restauração. Para isso, são promovidas parcerias entre governos, organizações da sociedade civil, setor privado, comunidades locais e povos indígenas, com o intuito de mobilizar recursos, compartilhar conhecimentos e promover a implementação de projetos de restauração. A Orla Rio, por exemplo, se empenha diariamente na restauração dos ecossistemas da orla do Rio de Janeiro e estabelece parcerias para intensificar esse processo com ações incisivas.

A iniciativa busca restaurar ecossistemas em larga escala, incluindo o plantio de árvores, a recuperação de áreas degradadas, a gestão sustentável de terras e a conservação da biodiversidade. Além disso, pretende envolver a sociedade em geral, promovendo a conscientização sobre a importância da restauração de ecossistemas e incentivando a participação ativa das pessoas em ações locais.

A Década da Restauração de Ecossistemas está alinhada com outros acordos e metas internacionais, como o Acordo de Paris sobre mudanças climáticas e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas. Acredita-se que a restauração de ecossistemas desempenha um papel crucial na mitigação das mudanças climáticas, na proteção da biodiversidade e na construção de um futuro mais sustentável para o planeta.

Vamos por mais!

VOCÊ VAI GOSTAR DE VER TAMBÉM…