Imortalizados na orla: Ary Barroso

Seguindo nosso passeio pela orla mais bonita do mundo, há 400 metros da Pedra do Leme, em frente ao restaurante La Fiorentina, no Leme, encontramos a estátua de um ícone da cultura brasileira. Hoje falaremos de Ary Barroso.

Ary Barroso

Ary Barroso (1903-1964) foi um compositor brasileiro, autor, dentre outros sucessos, da mundialmente famosa Aquarela do Brasil. Essa música consolidou o estilo samba-exaltação, com versos ufanistas que ajudou a elevar o gênero samba à categoria de símbolo musical nacional.

Além de Aquarela do Brasil, Barroso compôs 264 canções, dentre marchinhas de Carnaval, sambas, xotes e choros. Ele foi também o compositor favorito de Carmen Miranda. A cantora portuguesa gravou 30 canções de Ary Barroso.

O artista recebeu o diploma da Academia de Ciências e Arte Cinematográfica de Hollywood pela trilha sonora do longa-metragem “Você já foi à Bahia?”, produzido pelos estúdios de Walt Disney, em 1944.

Ary Barroso também era locutor esportivo. Torcedor do Flamengo, narrava a favor do rubro-negro nas transmissões que eram feitas pelo rádio. Quando o Flamengo era atacado, ele dizia bordões como: “Ih, lá vem os inimigos. Eu não quero nem olhar”. Quando não era jogo Flamengo, quando era gol, Barroso narrava o lance e depois tocava gaita.

Ele morreu em 1964 com cirrose hepática decorrente do alcoolismo.

Estátua

Em comemoração ao centenário de Ary Barroso, em 2002, foi inaugurada essa estátua em frente ao tradicional restaurante La Fiorentina, no Leme. O local foi escolhido pela aura boêmia do restaurante, além de ter sido o bairro onde Barroso morou por 40 anos.

VOCÊ VAI GOSTAR DE VER TAMBÉM…

Sábado é dia de almoçar no Mar de Copa

Sábado é dia de almoçar no Mar de Copa

O quiosque Mar de Copa, na praia de Copacabana, agrega muito no quesito gastronomia de qualidade, bom atendimento e ambiente super agradável. A casa conta com um lounge confortável com